vBulletin statistics

Terça-Feira, 19 de Novembro de 2013

Primeira edição do Festival IN marcada pelo sucesso

Mais de 56.000 entradas na primeira edição do Festival IN – Festival Internacional de Inovação e Criatividade

A FIL recebeu, entre 14 e 17 de Novembro, a primeira edição do Festival IN – Festival Internacional de Inovação e Criatividade, organizado pela Fundação AIP, e o balanço é extremamente positivo a todos os níveis. Durante 4 dias a FIL foi o palco das indústrias culturais e criativas portuguesas, sector que mereceu a atenção de mais de 56.000 visitantes que não quiserem perder a oportunidade de ficar a conhecer alguns dos projectos nacionais mais inovadores.

 

“A diversidade da programação foi um dos pilares para o sucesso do Festival IN. Nestes quatro dias tivemos conferências sobre arte, crowdfunding na música, marketing cultural e financiamento, entre outros temas. Foram também dias de partilha de experiências onde, por exemplo, pessoas que já passaram por diversos fracassos vieram contar os seus casos”, afirma Maria João Rocha de Matos, Directora-geral da AIP – Feiras, Congressos e Eventos.

 

“O futuro de Portugal passa pelo crescimento da economia criativa através das suas múltiplas indústrias. O tema inovação está sempre na ordem do dia e as indústrias culturais e criativas são um pilar fundamental da inovação e desenvolvimento. A Fundação AIP, consciente do seu compromisso para com as empresas e empreendedores portugueses, criou este festival para que pessoas de diversos quadrantes tivessem um espaço para dar a conhecer os seus projectos e também procurar parceiros e investidores. E isso pode ser comprovado pelo perfil do visitante deste festival pois tivemos muitos investidores e profissionais que vieram propositadamente ao Festival IN para procurar projectos onde investirem o seu dinheiro”, reforça Maria João Rocha de Matos.

 

Mas não só de empreendedorismo viveu o Festival IN. A Festa dos Museus, o Interactive Lounge, as Galerias e, por exemplo, a pré-edição do Westway Viva Lisboa, que contou com alguns dos nomes mundiais mais sonantes no agenciamento de bandas, foram um sucesso e cativaram os visitantes da primeira edição do Festival IN.

 

“Vamos, a partir de amanhã, começar a trabalhar na segunda edição deste evento e queremos que seja ainda melhor e maior do que este”, conclui Maria João Rocha de Matos.